Muito obrigado pelo acesso!

A maior justificativa para a existência deste, está no fato de que sinto-me impulsionado a escrever e partilhar aquilo que de mais íntimo brota do meu ser. Acredito ser um dom que Deus me deu. Se algum dia este impulso me faltar, faça orações por mim, pois já estarei diante d'Ele.

domingo, 10 de março de 2013

Espírito Santo: dinamismo da Igreja

Muitos estão apreensivos ultimamente devido ao fato da Igreja estar sem o papa e também devido à expectativa sobre quem será o sucessor de Bento XVI, sua idade, nacionalidade...
Acredito com sinceridade que isto não passa de detalhes que os dias a menos ou os dias a mais nos darão a solução.
A grande reflexão que por ora deve ocupar nosso falar e nosso pensar, acredito eu, deve-se ater no fato de que QUEM DÁ DINAMISMO À IGREJA É O ESPÍRITO SANTO DE DEUS. Este sim, não pode faltar! Quem guia a Igreja é o Espírito Santo. Se assim não for, prevalece-se  a vontade humana e outros interesses, e não a vontade daqu'Ele que a deve conduzir de fato. Toda vez que a Igreja errou, não tomando a postura ou decisão correta, foi por causa dos "guias humanos" que não quiseram ou fingiram desconhecer a vontade daqu'Ele que deve ser a fonte principal de sabedoria da Igreja.
Alegro-me e desejo ardentemente que nestes dias, uma vez que a Igreja está desprovida do seu representante aqui na terra, se sobressaia o Governo do Espírito de Deus de tal forma que os cardeais, reunidos e responsáveis para a eleição do novo papa, deixem-se guiar realmente pelo Espírito que vivifica e renova todas as coisas; sintam-se realmente guiados pelo Espírito de Deus e no ato de votar abandonem os preconceitos, os interesses políticos, sociais, econômicos e ideológicos e elejam aquele que, independentemente da cor, idade, nacionalidade, de fato esteja apto a "revolucionar, inovar e renovar" a Igreja.Que ele seja, para ela, verdadeiro representante e porta voz do Espírito Santo que a fundou e a quer no mundo como testemunha fiel do amor de Deus que proporcione vida e justiça para todos. 

2 comentários:

betosilva disse...

Concordo plenamente contigo, Amigo! Mas quanto à nacionalidade... um brasileiro, ein??? Contudo, que se faça a vontade d'Ele e não a nossa. Bom é podermos estar em vigília constante pedindo ao Espírito Santo que continue guiando a Igreja e que ela seja, de fato, anunciadora do Evangelho para todos os povos e nações. Parabéns pela reflexão! Você é um ungido de Deus!

jessé Moreira Lopes disse...

Muito obrigado Beto. Você é simplesmente muito gentil.